Lewis Hamilton é pole na Malásia

mailton

Foto: Divulgação

Não deu para ninguém na formação do grid de largada do GP da Malásia da F1. A pole position é de Lewis Hamilton da Mercedes que anotou o tempo de 1m32s850, único a andar abaixo de 1m33s e quebrando o recorde de pole position mais rápida que era de Michale Schumacher com o tempo de 1m33s074, anotada em 2004.Essa foi a oitava pole do atual campeão na temporada, a 57° posição de honra na carreira.

Nico Rosberg parte da segunda colocação com o tempo de 1m33s264, e sabe que terá uma tarefa complicada para assegurar a ponta do campeonato diante do inglês neste final de semana. A dupla da RBR aparece na segunda fila com Max Verstappen em quarto e Daniel Ricciardo em quarto.

Mais uma vez o desempenho da Williams ficou abaixo do esperado, atrás da Force Índia, e de uma McLaren (Button), Felipe Massa parte do 10° lugar com o tempo de 1m34s761, Bottas é o 11°.

Felipe Nasr parte apenas da 18° colocação com a Sauber com o tempo de 1m35s949. A última colocação é de Fernando Alonso da McLaren que após trocar diversos componentes do motor sofreu uma punição de 45 posições.

A largada para as 56 voltas da disputa em Sepang, está marcada para às 4 horas da manhã, horário de Brasília, desde domingo.

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

Por Matheus Furlan

Anúncios

Max Wilson é pole em Londrina

wilson

Foto: Reprodução / Facebook Stock Car – oficial

A Stock Car chega a Londrina neste final de semana para a disputa de mais uma etapa da temporada de 2016, e na busca pelo líder da temporada, Felipe Fraga que soma 163 pontos.

Na formação do grid de largada na tarde deste sábado, (24), Max Wilson #65 conquistou a posição de honra com o tempo de 1m11s609. Na segunda colocação ficou Cacá Bueno #0 com o tempo de 1m11s616 e na terceira posição Felipe Fraga #88 com o tempo de 1m11s617.

Mais uma vez o equilíbrio da categoria ficou evidente, tanto que 14 carros ficaram com um diferença de  menos de 0.382.  Outros 12 carros ficaram na mesma casa de segundo no pelotão intermediário.

Confira o grid de largada para a etapa de Londrina:

1-) 65 Max Wilson (Eurofarma RC) – 1min11s609
2-) 0 Cacá Bueno (Red Bull Racing) – 1min11s616
3-) 88 Felipe Fraga (Cimed Racing) – 1min11s617
4-) 77 Valdeno Brito (TMG Racing) – 1min11s651
5-) 73 Sergio Jimenez (Cavaleiro Sports) – 1min11s690
6-) 70 Diego Nunes (União Química Racing) – 1min11s764
7-) 80 Marcos Gomes (Cimed Racing) – 1min11s799
8 -) 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports) – 1min11s805
9-) 90 Ricardo Mauricio (Eurofarma RC) – 1min11s815
10-) 29 Daniel Serra (Red Bull Racing) – 1min11s824
11-) 18 Allam Khodair (Full Time Sports) – 1min11s841
12-) 21 Thiago Camilo (Ipiranga-RCM) – 1min11s901
13-) 46 Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) – 1min11s909
14-) 4 Julio Campos (C2 Axalta Racing) – 1min11s991
15-) 12 Lucas Foresti (Full Time-ProGP) – 1min12s164
16-) 51 Átila Abreu (Shell Racing) – 1min12s287
17-) 8 Rafael Suzuki (Vogel Motorsport) – 1min12s344
18-) 5 Denis Navarro (Vogel Motorsport) – 1min12s351
19-) 110 Felipe Lapenna (Hot Car Competições) – 1min12s356
20-) 10 Ricardo Zonta (Shell Racing) – 1min12s406
21-) 28 Galid Osman (Ipiranga-RCM) – 1min12s429
22-) 25 Tuka Rocha (RZ Motorsport) – 1min12s482
23-) 63 Nestor Girolami (Eisenbahn Racing Team) – 1min12s516
24-) 56 Danilo Dirani (RZ Motorsport) – 1min12s559
25-) 26 Raphael Abbate (Hot Car Competições) – 1min12s688
26-) 9 Guga Lima (TMG Racing) – 1min12s693
27-) 83 Gabriel Casagrande (C2 Axalta Racing) – 1min12s704
28-) 74 Popó Bueno (Cavaleiro Sports) – 1min13s034
29-) 3 Bia Figueiredo (União Química Racing) – sem tempo

A primeira corrida em Londrina tem largada prevista para às 13 horas da tarde, já a segunda disputa do dia tem largada prevista para às 14:10, horário de Brasília.

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

Por Matheus Furlan

BARRICHELLO É POLE NA CORRIDA DO MILHÃO

bar-pole

Foto: Fernanda Freixosa/Strock Car/Vicar

A formação do grid de largada para a Corrida do Milhão foi realizada na tarde de sábado, (10), em Interlagos, São Paulo e a posição de honra é de Rubens Barrichello, campeão de 2014, com o tempo de 1m38s958, único piloto a andar abaixo de 1m39 na tarde deste sábado. Essa foi a primeira pole de Barrichello em Interlagos desde 2009, pela Brawn GP.

Rubéns Barrichello falou sobre a conquista da posição de honra na Corrida do Milhão.”É muito gratificante saber que todo o trabalho que a equipe vem fazendo, que o carro vem melhorando cada vez mais, mais uma pole position de um carro que estava em perfeitas condições em uma pista que me sorri sempre, então, eu gosto muito daqui e espero poder repetir essa fase de hoje, amanhã”.

“A expectativa é a melhor possível. Estamos cheio de “feras” ali por trás, ninguém quer perder o milhão. É uma prova longa, uma prova com estratégias diferentes, porque não tem pits-stops, tem um push-to-pass muito diferente que vamos ter que ver como que será, mas eu estou tranquilo, mas é uma prova que é para ser estuda”, concluiu o piloto da Full Time Sports.

Mas que vê a pole do carro #111 que venceu a Corrida do Milhão em 2014, não imagina o grande equilíbrio da categoria. A segunda colocação ficou com Ricardo Mauricio #90 com o tempo de 1m39s101, exatamente o mesmo tempo que Marcos Gomes #80, mas como Mauricio atingiu a marca primeiro, largará na primeira fila. Além destes, a apenas 0s052, Felipe Fraga larga na quarta colocação, ao lado do seu companheiro de equipe. Ao todo 22 carros ficaram na mesa casa de segundo, promessa de uma corrida emocionante.

Confira o grid de largada da Corrida do Milhão:

1-) 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports) – 1min38s958
2-) 90 Ricardo Mauricio (Eurofarma RC) – 1min39s101
3-) 80 Marcos Gomes (Cimed Racing) – 1min39s101
4-) 88 Felipe Fraga (Cimed Racing) – 1min39s153
5-) 18 Allam Khodair (Full Time Sports) – 1min39s214
6-) 4 Julio Campos (C2 Axalta Racing) – 1min39s252
7-) 21 Thiago Camilo (Ipiranga-RCM) – 1min39s265
8- ) 10 Ricardo Zonta (Shell Racing) – 1min39s289
9-) 70 Diego Nunes (União Química Racing) – 1min39s350
10-) 65 Max Wilson (Eurofarma RC) – 1min39s441
11-) 77 Valdeno Brito (TMG Racing) – 1min39s488
12-) 0 Cacá Bueno (Red Bull Racing – 1min39s531
13-) 28 Galid Osman (Ipiranga-RCM) – 1min39s557
14-) 29 Daniel Serra (Red Bull Racing) – 1min39s589
15-) 11 Cesar Ramos (RZ Motorsport) – 1min39s607
16-) 46 Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) – 1min39s616
17-) 73 Sergio Jimenez (Cavaleiro Sports) – 1min39s635
18-) 63 Nestor Girolami (Eisenbahn Racing Team) – 1min39s641
19-) 83 Gabriel Casagrande (C2 Axalta Racing) – 1min39s674
20-) 3 Bia Figueiredo (União Química Racing) – 1min39s730
21-) 26 Raphael Abbate (Hot Car Competições) – 1min39s766
22-) 110 Felipe Lapenna (Hot Car Competições) – 1min39s817
23-) 9 Guga Lima (TMG Racing) – 1min39s898
24-) 12 Lucas Foresti (Full Time-ProGP) – 1min40s033
25-) 56 Danilo Dirani (RZ Motorsport) – 1min40s085
26-) 5 Denis Navarro (Vogel Motorsport) – 1min40s098
27-) 8 Rafael Suzuki (Vogel Motorsport) – 1min40s153
28-) 51 Átila Abreu (Shell Racing) – 1min40s302
29-) 74 Popó Bueno (Cavaleiro Sports) – 1min40s364

A largada para a disputa em São Paulo está marcada para às 10 horas da manhã, horário de Brasília, deste domingo, (11).

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

Por Matheus Furlan

LEWIS HAMILTON É POLE EM MONZA E SE IGUALA A SENNA E FANGIO

hamilo f1

Foto: Reprodução/Facebook Mercedes AMG Petronas – oficial

Final de semana do GP de Monza  na F1, 14° etapa da temporada. A formação do grid de largada aconteceu na manhã deste sábado, (3). A Mercedes que começou dominando o final de semana  e a dupla Hamilton e Rosberg mostrou logo de cara a que veio.

Antes mesmo do treino terminar o Q1, Ocon da MRT/Manor já ficou de fora com problemas no carro. Além do jovem francês, que partirá de último, Magnussen em 21°, Palmer em 20°, Ericsson em 19°, Nasr em 18° e Kvyat em 17° , foram os eliminados na primeira parte do treino em Monza.

Na disputa do Q2, mais uma vez a dupla Hamilton/Rosberg assumiram as primeiras colocações, com o inglês a frente. Logo atrás, os carros da Ferrari, RBR e Williams. Na segunda rodada de voltas rápidas, o brasileiro Felipe Massa marcando uma volta ruim, 1m22s967, e acabou na 11° colocação com apenas 0.016 de desvantagem para Pérez, da Force Índia.

Além do brasileiro da Williams em 11°, Grosjean em 12° (mais com uma penalização), Alonso em 13°, Werhlein em 14°, Button em 15° e Sainz em 16° acabaram eliminados na segunda parte do treino.

O Q3, mais uma vez sem surpresas, Lewis Hamilton #44, da Mercedes anotou o tempo de 1m21s135 e marcou a sua 56° pole position da carreira, atingindo a marca de Ayrton Senna e Juan Manuel Fangio. Nico Rosberg parte de segundo e Sebastian Vettel em terceiro.  O top-10 é completo por Raikkonen, Bottas, Ricciardo, Verstappen, Pérez, Hulkenberg e Gutiérrez.

A largada para a disputa das 53 voltas do GP da Itália acontece às 9 horas da manhã, horário de Brasília.

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

Por Matheus Furlan

 

ROSBERG É O POLE NO GP DA BÉLGICA

Nico Rosberg_DR

Foto: Getty Images

O treino classificatório para o GP da Bélgica, realizado na manhã deste sábado, ocorreu sem nenhum problema. Com o tempo firme e a temperatura muito alta no circuito de Spa-Francorchamps, a pole position foi decidida nos segundos finais. Mas, como não poderia deixar de ser, a Mercedes teve o carro mais rápido da qualificação. Pela 28ª vez na carreira, Nico Rosberg larga na primeira posição. A melhor volta do alemão aconteceu em 1min46s744. Esta foi a sexta pole de Rosberg nesta temporada, e sua 28º na categoria máxima do automobilismo mundial.

Em segundo ficou Max Verstappen. Guiando em casa, o piloto até que tentou, mas não conseguiu bater o tempo do rival da Mercedes. Em terceiro larga Kimi Raikkonen, que entrou na pista apenas uma vez no Q1 e conseguiu um bom tempo.

A novidade da corrida do domingo será a posição de largada de Lewis Hamilton e Fernando Alonso. Pelo fato dos dois campeões do mundo terem trocado de motor, eles foram punidos com a perda de 30 e 35 posições e largam em último. A dupla até entrou na pista durante o Q1, mas Hamilton completou sua volta apenas para não largar dos boxes. Já Alonso teve problemas na McLaren e não conseguiu completar sua volta mais rápida. A outra punição foi para Esteban Gutierrez. O piloto da Haas, que completou o 13º tempo deste sábado, larga em 18º, já que foi punido com a perda de cinco posições por conta de uma manobra arriscada durante os treinos livres.

Outro ponto positivo da sessão deste sábado foi o ritmo imposto pela Force India. A equipe andou rápido durante todo o treino classificatório. Ficou na frente dos carros da Red Bull e da Ferrari durante o Q1 e o Q2. Porém, na hora do ”vamos ver”, a equipe indiana foi bem, mas não como nas duas primeiras partes, ficando atrás das duas rivais.

O outro ponto positivo foi o ritmo da Williams ao longo do treino. Como não havia andado rápido durante os treinos livres, a expectativa era a de que a equipe não fosse bem no qualificatório. Porém, logo no Q1, Felipe Massa foi o piloto mais rápido e continuou andando bem ao longo do treino. Porém, por conta de uma falha cometida no Q3, o brasileiro conseguiu apenas o 10º melhor tempo.

O treino deste sábado foi muito bom para Nico Rosberg. Além de largar da pole position pela 28ª vez na carreira, o vice-líder do campeonato verá Lewis Hamilton, .seu principal concorrente ao título, que largará da última posição, por possuir uma punição que lhe custou nada menos que 55 posições.

O Grande Prêmio da Bélgica de Fórmula 1 acontece neste domingo (28), a partir das 9h, pelo horário de Brasília.

Confira o grid completo:

  1. Nico Rosberg ALE Mercedes-Mercedes 1m 46.744s
  2. Max Verstappen HOL Red Bull-TAG 1m 46.893s
  3. Kimi Raikkonen FIN Ferrari-Ferrari 1m 46.910s
  4. Sebastian Vettel ALE Ferrari-Ferrari 1m 47.108s
  5. Daniel Ricciardo AUS Red Bull-TAG 1m 47.216s
  6. Sergio Perez MEX Force India-Mercedes 1m 47.4072
  7. Nico Hulkenberg ALE Force India-Mercedes 1m 47.543s
  8. Valtteri Bottas FIN Williams-Mercedes 1m 47.612s
  9.  Jenson Button ING McLaren-Honda 1m 48.114s
  10. Felipe Massa BRA Williams-Mercedes 1m 48.263s
  11. Romain Grosjean FRA Haas-Ferrari 1m 48.316s
  12. Kevin Magnussen DIN Renault-Renault 1m 48.485s
  13. Esteban Gutierrez MEX Haas-Ferrari 1m 48.598s*
  14. Jolyon Palmer ING Renault-Renault 1m 48.888s
  15. Carlos Sainz Jr ESP Toro Rosso-Ferrari 1m 49.038s
  16. Pascal Wehrlein ALE Manor-Mercedes 1m 49.320s
  17. Felipe Nasr BRA Sauber-Ferrari 1m 48.949s
  18. Esteban Ocon FRA Manor-Mercedes 1m 49.050s
  19. Daniil Kvyat RUS Toro Rosso-Ferrari 1m 49.058s
  20. Marcus Ericsson SUE Sauber-Ferrari 1m 49.071s*
  21. Lewis Hamilton ING Mercedes-Mercedes 1m 50.033s*
  22. Fernando Alonso ESP McLaren-Honda Sem tempo*

*punidos

Por Luiz Morelo para o site Jogo em Pauta (www.jogoempauta.com)

Rosberg leva a pole em Hocknheim

robserg divulgação

Foto: Divulgação

Diferentemente do treino classificatório do GP da Hungria, quando a chuva tomou conta do circuito de Hungaroring e atrasou a qualificação, a manhã deste sábado na Alemanha foi bem tranquila. Como era de se esperar, o duelo pela pole position ficou por conta da Mercedes. E Nico Rosberg se deu melhor. Na frente da sua torcida, o alemão completou a melhor volta em 1min14s363 e larga da ponta. Lewis Hamilton até que tentou. O tricampeão do mundo chegou, inclusive, a abaixar o tempo de Rosberg no primeiro setor do circuito, mas, no final das contas, não teve ritmo suficiente e larga atrás do rival.

A segunda fila foi dominada pela Red Bull. A equipe austríaca, definitivamente, se consolidou como a segunda equipe do grid. Pela sétima vez em treinos classificatórios, Daniel Ricciardo larga na frente de Max Verstappen. Enquanto o australiano ficou com a terceira posição, o garoto prodígio da RBR larga em quarto.

A qualificação desta manhã não teve muitas surpresas. A decepção ficou por conta da Sauber. A equipe suíça, que andou bem durante uma parte dos treinos livres, terminou na última posição. Felipe Nasr não conseguiu imprimir um bom ritmo e ficou com o 21º tempo. A probabilidade de terminar no último lugar é grande, já que são poucas as chances de ultrapassagem na Alemanha.

A surpresa ia ficar por conta da presença de Pascal Werhlein no Q2. O piloto da Manor esteve se classificando até os últimos segundos da primeira parte do treino, mas Jolyon Palmer e Jenson Button bateram seu tempo.

Em relação à McLaren, a equipe não conseguiu repetir o desempenho dos treinos classificatórios anteriores e ficou pelo meio do caminho. Fernando Alonso ainda se queixou de uma manobra de Sebastian Vettel, que teria atrapalhado sua volta, mas os comissários da prova alemã entenderam que não houve nenhum equívoco.

Falando em Vettel, é preciso o tetracampeão abrir o olho, já que passou para o Q3 em nono e, por pouco, não foi eliminado. O piloto da Ferrari não está conseguindo andar rápido em Hockenheim e viu, mais uma vez, Kimi Raikkonen terminar na sua frente.

A largada do Grande Prêmio da Alemanha acontece neste domingo, às 9h (horário de Brasília).

Veja como ficou o grid de largada do GP da Alemanha:

  1. Nico Rosberg (ALE/Mercedes) 1min14s363
  2. Lewis Hamilton (GBR/Mercedes) 1min14s470
  3. Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull) 1min14s727
  4. Max Verstappen (HOL/Red Bull) 1min14s833
  5. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) 1min15s143
  6. Sebastian Vettel (ALE/Ferrari) 1min15s317
  7. Nico Hülkenberg (ALE/Force India) 1min15510
  8. Valtteri Bottas (FIN/Williams) 1min15s530
  9. Sergio Perez (MEX/Force India) 1min15s537
  10. Felipe Massa (BRA/Williams) 1min15s617
  11. Esteban Gutierrez (MEX/Haas) – 1min15s883
  12. Jenson Button (GBR/McLaren) – 1min15s910
  13. Carlos Sainz Jr (ESP/Toro Rosso) – 1min15s990
  14. Fernando Alonso (ESP/McLaren) – 1min16s040
  15. Romain Grosjean (FRA/Haas) – 1min16s087
  16. Jolyon Palmer (GBR/Renault) – 1min16s667
  17. Kevin Magnussen (DIN/Renault) 1min16s717
  18. Pascal Wehrlein (ALE/Manor) 1min16s717
  19. Daniil Kvyat (RUS/Toro Rosso) 1min16s877
  20. Rio Haryanto (INA/Manor) 1min16s977
  21. Felipe Nasr (BRA/Sauber) 1min17s123
  22. Marcus Ericsson (SUE/Sauber) 1min17s237

Por Luiz Morelo para o site Jogo em Pauta (www.jogoempauta.com)

Salustiano é pole em Londrina

salustiano

A Fórmula Truck está em Londrina, no Paraná, neste final de semana para a disputa da quinta etapa da temporada de 2016 e na pole position o Mercedes #55 de Paulo Salustiano que marcou o tempo de 1m37s400, a segunda colocação é do Volkswagen de Felipe Giaffone que marcou o tempo de 1m37s580 e em terceiro lugar Wellingon Cirino com o tempo de 1m37s712.

O líder do campeonato, Diogo Pachenki parte apenas do nono lugar com o tempo de 1m38s618. Confira o grid de largada da etapa de Londrina da Fórmula Truck:

1) Paulo Salustiano (ABF Mercedes-Benz), 1min37s400
2) Felipe Giaffone (RM Competições-MAN), 1min37s580
3) Wellington Cirino (ABF Mercedes-Benz), 1min37s712
4) André Marques (RM Competições-MAN), 1min37s917
5) Régis Boessio (Boessio Competições), 1min38s192
6) Djalma Fogaça (DF Racing Fans), 1min38s322
7) Roberval Andrade (Dakar Motorsports), 1min38s406
8) David Muffato (MAN TGX), 1min41s615
9) Diogo Pachenki (Copacol Truck Racing), 1min38s618
10) Adalberto Jardim (RM Competições-MAN), 1min38s731
11) Raijan Mascarello (ABF Racing Team), 1min38s868
12) Leandro Totti (Clay Truck Racing), 1min38s931
13) Valmir Hisgué Benavides (DF Racing Fans), 1min39s685
14) Débora Rodrigues (RM Competições-MAN), 1min39s851
15) Pedro Muffato (Muffatão Racing), 1min40s311
16) Alex Fabiano (ABF Azulim Indy Truck Racing), 1min40s691
17) Joel Mendes Júnior (Fábio Fogaça Motorsports), 1min40s804
18) Luiz Lopes (Lucar Motorsport), 1min41s064
19) Rogério Castro (ABF Racing Team), 1min41s495
20) Beto Monteiro (Lucar Motorsport), sem tempo

A largada para a disputa em solo paranaense acontece às 13 horas, horário de Brasília.

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

Por Matheus Furlan

Em treino disputado, Hamilton é pole na Áustria

O treino para a formação do grid de largada do GP da Áustria da F1 que acontece neste final de semana foi emocionante. Na pole Lewis Hamilton que acertou a volta da posição de honra apenas no final, pois  choveu no Q2, os carros foram para o Q3 com pista úmida, e no final a primeira fila sera formada pelo inglês da Mercedes e Hulkenberg da Force Índia.

Rosberg marcou o segundo tempo mas devido a troca da sua caixa de câmbio o pilo da Mercedes perdeu cinco posições no grid e partirá do sexto lugar, que está na mesma situação é Vettel da Ferrari que partirá de nono lugar, ao lado de Massa que se classificou em 10°.

O dia nada bom, mais uma vez, para a Toro Rosso, que viu Kvyat destrir seu carro e Sainz ter problemas de motor. Os destaques do treino ficaram por conta de Button que larga em terceiro com a McLaren, Wehrlein  que parte de 12° com a Manor.

Confira o grid de largada para o GP da Áustria:

grid_de_largada_AWtEvWP

Foto: Divulgação

A largada para a disputa em Spielberg, está marcada para às 9 horas da manhã, horário de Brasília.

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

Por Matheus Furlan

Barrichello é pole em Tarumã

bar stock 1A equipe Full Time não poderia estar mais feliz neste final de semana com a sua dupla de pilotos anotando a primeira fila para a disputa deste final de semana da Stock Car.

Barrichello e Khodair travaram uma bela batalha e o campeão de 2014 levou apenas 0.055 de vantagem para o japonês voador e  vai largar na posição de honra no Rio Grande do Sul.

O piloto do carro #111 marcou o tempo de 1m08s632 contra o tempo de 1m08s687 do carro #18. Na segunda fila a dupla da equipe Cimed Racing com Marcos Gomes em terceiro e Felipe Fraga em quarto lugar.

Confira o grid de largada da etapa de Tarumã da Stock Car:

1-) 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports) – 1min08s632
2-) 18 Allam Khodair (Full Time Sports) – 1min08s687
3-) 80 Marcos Gomes (Cimed Racing) – 1min08s699
4-) 88 Felipe Fraga (Cimed Racing) – 1min08s737
5-) 65 Max Wilson (Eurofarma RC) – 1min08s898
6-) 21 Thiago Camilo (Ipiranga-RCM) – 1min08s908
7-) 46 Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) – 1min08s984
8 -) 12 Lucas Foresti (Full Time-ProGP) – 1min08s992
9-) 0 Cacá Bueno (Red Bull Racing) – 1min09s135
10-) 77 Valdeno Brito (TMG Racing) – 1min09s164
11-) 66 Felipe Guimarães (Full Time-ProGP) – 1min09s185
12-) 29 Daniel Serra (Red Bull Racing) – 1min09s193
13-) 28 Galid Osman (Ipiranga-RCM) – 1min09s200
14-) 90 Ricardo Mauricio (Eurofarma RC) – 1min09s206
15-) 4 Julio Campos (C2 Axalta Racing) – 1min09s251
16-) 63 Nestor Girolami (Eisenbahn Racing Team) – 1min09s317
17-) 8 Rafael Suzuki (Vogel Motorsport) – 1min09s346
18-) 10 Ricardo Zonta (Shell Racing) – 1min09s362
19-) 5 Denis Navarro (Vogel Motorsport) – 1min09s404
20-) 70 Diego Nunes (União Química Racing) – 1min09s429
21-) 73 Sergio Jimenez (Cavaleiro Sports) – 1min09s448
22-) 83 Gabriel Casagrande (C2 Axalta Racing) – 1min09s518
23-) 51 Átila Abreu (Shell Racing) – 1min09s530
24-) 3 Bia Figueiredo (União Química Racing) – 1min09s623
25-) 110 Felipe Lapenna (Hot Car Competições) – 1min09s658
26-) 26 Raphael Abbate (Hot Car Competições) – 1min09s967
27-) 9 Guga Lima (TMG Racing) – 1min10s071
28-) 74 Popó Bueno (Cavaleiro Sports) – 1min10s219

A largada para a primeira disputa está marcada para às 14 horas e a segunda está marcada para ás 15:10, ambas horário de Brasília.

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

Por: Matheus Furlan

Hinchcliffe é pole em Indianapolis

indyca r hinch

Foto: indycar.com

Um ano após sofrer um grave acidente que o tirou da disputa de 2015, James Hinchcliffe #5 volta a Indianapolis para fazer história.

No último final de semana foi confirmado o grid de largada para The Indianapolis 500 presented by PennGrade Motor Oil, (100° edição das 500 Milhas de Indianapolis) 

O canadense marcou o tempo de 2m36s006 com a média de 230.760 mph (371 km/h) e vai largar na posição de honra, em segundo lugar aparece Josef Newgarden com apenas 0.041 de desvantagem e em terceiro Ryan Hunter-Reay com 0.076 atrás.

O brasileiro Helio Castroneves que já venceu a lendária disputa por três oportunidades (2001, 2002 e 2009) parte do nono lugar enquanto Tony Kanaan que venceu em 2013, é apenas o 18° colocado. Pelo fato da corrida ser longa a posição de largada não influencia tanto, mas o desempenho do carros nos treinos sim, desta forma a Ganassi de Kanaan não está com um top speed tão forte quanto os primeiros colocados.

A disputa de mais uma etapa lendária das 500 Milhas de Indianapolis, acontece no próximo domingo, (29), às 13 horas, horário de Brasília.

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

por: Matheus Furlan