São Paulo vence Linense no Morumbi

Foto: espn.uol.com.br

Foto: espn.uol.com.br

O São Paulo conquistou mais uma vitória no Paulistão 2015 diante do Linense no estádio do Morumbi. A partida que teve mais uma vez um público pequeno começou sob chuva e os donos da casa mostrando uma grande vontade em campo, mas na prática mesmo muito pouco foi produzido na primeira etapa.

Com Pato hora isolado, hora saindo muito para ir buscar a vola na intermediária, o Tricolor criou pouco, Paulo Miranda  fez a torcida gritar gol após uma bela cabeçada que bateu na rede pelo lado de fora e Alvaro, zagueiro do Linense que teve a oportunidade dentro da pequena área e mandou por cima da meta foram os grandes lances na primeira parte do jogo.

No intervalo, Pato deu lugar a Kardec e ai a história do jogo mudou, e logo nos primeiros minutos do camisa 14 em campo ele recebeu a bola na entrada da área e foi derrubado, falta que Rogerio Ceni cobrou com maestria e colocou no fundo das redes, São Paulo 1 x 0 aos sete minutos.

Centurión teve uma bela oportunidade de ampliar mas acabou chutando para fora, coube mesmo a Alan Kardec resolver a situação e aos 30 minutos jogada do São Paulo pela direita, Thiago Mendes cruzou rasteiro e o artilheiro marcou, São Paulo 2 x 0.

Após o segundo gol o Tricolor passou a jogar mais leve e desta vez pela esquerda, Ewandro cruzou no alto a defesa do time do interior ficou apenas olhando e novamente Kardec, de peito estufou a rede, São Paulo 3 x 0 aos 36 da etapa final e fatura liquidada para a equipe de Muricy Ramalho.

Com a vitória o São Paulo se reabilita na competição após a derrota para o Palmeiras enquanto o Linense que tinha a chance de entrar na zona de classificação para a próxima fase da competição vau lutar para fugir de perto da zona de rebaixamento.

Confira os resultados da 13° rodada do Paulistão 2015:

São Bernardo 1 x 0 Botafogo

Ituano 0 x 0 Portuguesa

Capivariano 1 x 1 Rio Claro

Mogi Mirim 2 x 0 Marília

Bragantino 0 x 1 Corinthians

São Paulo 3 x 0 Linense

XV de Piracicaba 1 x 0 Ponte Preta

Red Bull Brasil 2 x 0 Palmeiras

Penapolense 3 x 0 Audax

Santos 2 x 2 São Bento

A próxima rodada do Campeonato Paulista acontece no final de semana, porque neste meio de semana teremos Libertadores da América e Copa do Brasil

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

por: Matheus Furlan

Anúncios

Com começo arrasador, Palmeiras passeia no clássico diante do São Paulo

Foto: globoesporte.globo.com

Foto: globoesporte.globo.com

O duelo entre Palmeiras x São Paulo começou quente no Allianz Parque, os donos da casa foram para cima, o São Paulo se segurou da forma que pode e nessa de sair jogando a bola foi recuada para Ceni e na primeira vez ele passou bem, a bola foi e novamente o Tricolor recuou a bola para o goleiro que muito bom com os pés, mas desta vez não foi feliz, deu um bicão na bola que subiu, Robinho amaciou o bola no peito e da intermediária ariscou o chute por cobertura, Ceni não conseguiu chegar na bola, golaço do Palmeiras, 1 x 0 aos quase quatro minutos do primeiro tempo.

Após levar o gol o São Paulo saiu para o jogo e Pato ariscou da entrada da área para Fernando Prass fazer uma boa defesa colocando a bola para escanteio, após esse lance uma entrada de Rafael Tolói e Dudu se estranharam, o zagueiro do Tricolor acabou por agredir o jogador do Palmeiras o que terminou com a expulsão do defensor são paulino com menos de 10 minutos de jogo.

Acreditando no jogo o Verdão foi para cima e a defesa do São Paulo se remontou com  o meio campista Hudson indo para a defesa. Partida quente no Allianz Parque, e Lucas que pegou o rebote da defesa do São Paulo após cobrança de escanteio ariscou o chute de fora da área e a bola passou tirando tinta da trave de Rogério Ceni, tudo isso aos 13 minutos da etapa inicial.

O São Paulo não viu a cor da bola, escanteio para o Palmeiras, Zé Roberto cobrou a defesa afastou, Cristaldo pegou o rebote e passou para Robinho que fez um belo cruzamento para Tóbio que finalizou certo e mais uma vez a bola passou muito perto da meta de Rogério Ceni.

A partida tava fácil, em contra ataque, Dudu cruzou bem a bola da esquerda, Robinho não alcançou mas Rafael Marques dominou e com frieza e sem dar chances para Ceni colocou no fundo do gol, Palmeiras 2 x 0 aos 23 minutos da primeira etapa. A partida deu uma acalmada, mas visivelmente mais bem postado em campo o Palmeiras criava as melhores oportunidades, era chute da entrada da área com Cristaldo, cruzamentos dos dois lado e o São Paulo se segurando do jeito que pode.

O São Paulo equilibrou a partida, passou a ficar mais com a posse de bola, começou a tentar criar, mas o Palmeiras que efetivamente levava mais perigo, criava mais jogadas e fazia com que a defesa do tricolor trabalhasse, e aos 44 Ceni fez uma bela defesa na finalização de Cristaldo aos 44 minutos do primeiro tempo.

Foto: Marcos Ribolli /  globoesporte.globo.com

Foto: Marcos Ribolli / globoesporte.globo.com

A segunda etapa começou diferente, com o São Paulo indo mais a frente, o Palmeiras passou a tocar mais a bola e Arouca começou a chagar mais próximo da área e em uma dessas virada de jogo o camisa cinco o Verdão passou para Zé Roberto que milimetricamente cruzou para Rafael Marques que de primeira não deu chances para Rogério Ceni, Palmeiras 3 x 0 aos seis minutos.

Os minutos foram passando e nada do São Paulo reagir, firme e sólido na defesa, o Palmeiras passava a bola, virava o jogo de um lado para o outro, fazia o que desejava em campo, mas diferentemente da primeira etapa com o placar a favor, o Verdão diminuiu o ritmo da partida.

O Palmeiras criou uma grande oportunidade com Dudu, mas o camisa sete da equipe da casa acabou sendo um pouco fominha de mais e perdeu o domínio a bola ainda ficou com o Palmeiras, mas Zé Roberto desperdiçou o cruzamento. No lance seguinte o São Paulo também tentou cruzar e Carlinhos até acertou o o passe, mas Centurión não foi bem na finalização.

A partida tinha se acalmado, mas aos  33 minutos uma entrada criminosa de Michel Bastos em Arouca fez com que o camisa sete do São Paulo fosse expulso, ta certo que a entrada não atingiu o jogador do Palmeiras, mas o cartão foi justo e merecido e com dois jogadores a mais em campo o time da casa foi para cima do adversário aos gritos de “mais um” entoado pela sua torcida.

O Verdão quase marcou o quarto gol com Gabriel aos 39 minutos, que finalizou ao lado da trave de Rogério Ceni após boa tabela entre o meio campo e o atacante Gabriel Jesus. Alan Patrick também tentou em cobrança de falta mas acabou chutando por cima do gol.

No final o Verdão cadenciou ficou com a posse de bola e esperou o apito final da arbitragem, que veio aos 47 minutos, Palmeiras 3 x 0 São Paulo.

Confira os resultados do Paulistão 2015:

terça feira, 24:

Botafogo 0 x 0 Ituano (12° rodada)

Rio Claro 1 x 1 XV de Piracicaba (12° rodada)

quarta feira, 25:

Marília 0 x 2 Red Bull Brasil

Audax 3 x 0 Capivariano

Linense 1 x 0 Mogi Mirim

Palmeiras 3 x 0 São Paulo

quinta feira, 26:

São Bento x Bragantino, às 19:30 em Sorocaba;

Corinthians x Penapolense, às 19:30 em São Paulo;

Ponte Preta x Santos, às 21:00 em Campinas;

Portuguesa x São Bernardo, adiado para o dia 31/3.

Com o resultado o Palmeiras da um importante passo para ficar entre os três primeiros na classificação geral da competição.

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

por: Matheus Furlan

Rogério Ceni renova contrato com o Tricolor até 2015

Foto: Arquivo Lance! / lancenet.com.br

Foto: Arquivo Lance! / lancenet.com.br

Muitos acreditavam que ele se aposentaria, mas a vontade e  o desejo de voltar a jogar uma Libertadores da América foi maior e  o “mito” Rogério Ceni renovou contrato com o São Paulo até o dia 5 de agosto de 2015, com possibilidade de extensão caso o time do Morumbi conquiste a América, mais uma vez, e vá disputar o Mundial de Clubes.

A noticia da renovação de contrato de Ceni foi dada pelo presidente Carlos Miguel Aidar após uma coletiva onde foi apresentada uma camisa comemorativa pelos 24 anos do goleiro no clube.

O presidente apareceu no final do evento e fez o seguinte anuncio: “Essa camisa que foi lançada certamente será usada por ele ainda muitas vezes. Acabamos de renovar com ele até 5 de agosto de 2015, mas o contrato pode ser renovado caso conquistemos a Libertadores. Mas isso discutiremos depois. Não foi difícil convencê-lo, ele é quem me convenceu”, afirmou o mandatário.

Neste meio de semana, o São Paulo acabou eliminado pelo Atlético Nacional de Medellín no pênaltis e deu adeus a competição sul-americana.

Rogério Ceni tem 41 anos, fez 1.183 jogos com a camisa do São Paulo onde anotou 123 gols, além disso Ceni é detentor de vários recordes como mais jogos por uma mesma equipe, 1.180 jogos, mais vezes como capitão da equipe, 931 jogos, maior artilheiro entre os goleiros, 123 gols e ainda não homologado, maior número de vitórias em competições oficiais, 594 jogos, ultrapassando Ryan Giggs.

Um verdadeiro MITO.

Acesse: http://www.facebook.com/templodosesportes

por: Matheus Furlan

Sul-americana: Ceni salva e São Paulo se garante

O São Paulo foi heroico na partida diante do Universidad Católica do Chile. O time brasileiro jogou muito bem, apesar da sua defesa pelo lado direito esta com um buraco, local por onde Sosa abriu o placar para os chilenos aos 16 minutos da etapa inicial. O São Paulo não deu chance e Aloísio aos 19 recebeu na entrada da área e empatou, o jogo estava movimentado, Poucos minutos depois Cordero recebeu bola no mesmo lado direito da defesa são paulina e conseguiu ampliar o placar, 2 x 1 para os chilenos. Novamente o São Paulo agiu rápido e depois de bela troca de passes de Aloísio e Ganso o atacante recebeu na frente, driblou o goleiro e empatou em 2 x 2 , tudo isso em menos de 10 minutos.

Ainda no primeiro tempo os donos da casa tentaram, tentaram e quase conseguiram se não fosse Rogério Ceni, o goleiro começou a aparecer no jogo.

 

O segundo tempo veio e a pressão da Universidad Católica também, Ceni continuou salvando a equipe, até que Ademílson virou o jogou aos 19 minutos da segunda etapa 3 x 2. A partida era movimentada aos 25 minutos Douglas cometeu pênalti e Mirosevic converteu, 3 x 3, o resultado já era favorável aos brasileiros e Ceni salvando a equipe, nos minutos finais Welliton deu números finais ao jogo, 4 x 3 para o São Paulo e classificação garantida a próxima fase da competição.

Muricy Ramalho elogiou e muito Ceni após o jogo, “Ele está no melhor momento da carreira. Arrebentaram com ele porque bateu (errou) pênalti, mas, como goleiro, está no seu melhor. Está experiente, chegando antes, muito forte fisicamente. As pessoas têm que rever suas opiniões” “Acho que ele tem que ser mais reconhecido, sinceramente, porque o que esse cara fez aqui e está fazendo é brincadeira. Eu defendo ele demais, porque eu o conheço, ele sofre para caramba com o São Paulo. Está preocupado com nossa situação”  disse o treinador.

Em entrevista Rogério Ceni se diz feliz pelo seu rendimento, “Ainda bem que, no fim da carreira, tenho conseguido jogar em bom nível para as pessoas que torcem pela gente. Vai ser feito o que for melhor para todo mundo. O São Paulo tem ótimos goleiros. Se eu for embora, o Denis está preparadíssimo, faz tudo o que eu faço. Foram anos de convivência, trabalha com os pés tão bem quanto eu…”

O que o Rogério Ceni defendeu foi demais, contestado por muitos, mas o cara defendeu muito, mais muito mesmo. Confira os lances do jogo somente das defesas do goleiro.

 

O São Paulo que era contestado esta mais vivo do que nunca na busca de uma vaga na Libertadores de 2014, e a equipe ainda tem muito a crescer na competição continental.

Deixe a sua opinião, teremos o maior prazer em responde-lo.

por: Matheus Furlan

O substituto do capitão Rogério Ceni!

foto fonte: tenfield.com.uy

foto fonte: tenfield.com.uy

O Tricolor Paulista decidiu contratar um goleiro. Já que o capitão são-paulino Rogério Ceni se aposenta em dezembro, a diretoria vê com bons olhos o goleiro destaque do time do Olimpia, o uruguaio Martín Silva, que levou o time paraguaio até a final da Libertadores da América.

O agente do goleiro, Regis Marques, já admite o interesse e ficou muito empolgado com a possibilidade do negócio se concretizar.

“Ele também tem ofertas do Vasco e de clubes do exterior, mas vou fazer o possível para levá-lo ao Morumbi. Além de eu torcer pelo São Paulo, sei o que representa a chance de substituir o Ceni”, disse.

Pelo menos, pelo dinheiro o time paulista não deverá ter empecilhos, já que o time paraguaio fixou o valor da venda em R$ 2,5 milhões. Seu salário é de R$ 120 mil por mês. Martín Silva, de 30 anos, já está sendo bastante convocado muitas vezes para a seleção do Uruguai. Ele é reserva do titular Muslera e estava no Brasil disputando a Copa das Confederações.

O que acha dessa investida da diretoria tricolor?

Pelo menos eu, achei uma boa, mas ainda aposto as minhas fichas no goleiro reserva do Rogério, o Denis. E você? Comente!

 

REFORÇO NA ZAGA JÁ TREINA NO MORUMBI

fonte foto: saopaulofc.net

fonte foto: saopaulofc.net

De acordo com o repórter esportivo Eduardo Affonso, da ESPN, Antônio Carlos já treina no CT da Barra Funda. Ele fez exames médicos ontem mas ainda faltam alguns detalhes burocráticos (inscrição no BID) para estrear já neste domingo, contra o Flamengo, no estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Deixe seu comentário que responderemos em breve.

por: Guilherme Fenelon

O Tricolor Paulista tenta sair da crise no Morumbi!

fonte foto: espn.com.br

fonte foto: espn.com.br

O São Paulo, para fugir desta crise que o persegue, terá pela frente, hoje, às 19h30, no Morumbi, o Atlético-PR, adversário que já frequentou a zona do rebaixamento, mas que agora sonha com o G-4 depois de seis rodadas de invencibilidade.

Com três empates e sete derrotas, a última delas por 2 a 1 para a Portuguesa, o clube paulista está na penúltima colocação, com apenas nove pontos. Piorando cada vez mais, o tricolor não ganha em casa faz tempo. Já são seis derrotas seguidas no Morumbi. Para tentar acabar com isso, a diretoria anunciou uma promoção de ingressos para atrair a torcida, começando a R$ 2,00 para o sócio-torcedor.

O técnico Paulo Autuori fará duas mudança na equipe. O argentino Clemente Rodríguez treinou na lateral direita para substituir Douglas e, o atacante Luis Fabiano, com inflamação na região lombar, foi cortado de última hora e não jogará, mesmo relacionado. A provável formação é a seguinte: Rogério Ceni, Clemente Rodríguez, Rodrigo Caio, Rafael Toloi e Reinaldo; Wellington, Fabrício, Lucas Evangelista e Jadson; Osvaldo e Aloísio. Os pendurados para esta partida são Rodrigo Caio e Ganso, que estará no banco de reservas.

Paulo Autuori completou ontem um mês desde que estreou no São Paulo. Os números, porém, não são nada favoráveis: uma vitória, um empate e nada menos que oito derrotas. Em entrevista coletiva no CT da Barra Funda, nesta quarta-feira, o treinador chamou para si a culpa pela fase ruim ainda não ter acabado.

“Fizemos apenas três treinos. Temos de analisar os resultados, eles estão aí. Encaro isso com muita tranquilidade. Não posso ficar divagando sobre coisas que não têm a mínima sustentação. Eu sou o responsável por tudo. Eu assumo”, disse.

Apesar da fase ruim, o treinador vê o São Paulo evoluindo nas últimas partidas.

“Uma coisa que tenho sentido é a capacidade que o grupo está tendo de reagir a esse momento difícil. O jogo contra a Portuguesa foi claro. Uma vitória representaria várias vitórias. Alguns grupos transformam isso (reação) em realidade e outros não. O desafio é mostrar que tipo de grupo nós somos” completou.

Ele também, disse que Rogério Ceni continuará como o cobrador de pênaltis do São Paulo. Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, no CT da Barra Funda, o técnico Paulo Autuori revelou que foi buscar o histórico do jogador para decidir mantê-lo na função nas próximas partidas do Tricolor na temporada.

Ceni passou a ser questionado depois de perder dois pênaltis consecutivos em pouco mais de uma semana. O jogador errou o primeiro contra o Bayern de Munique, pela Copa Audi, e o segundo diante da Portuguesa, no Canindé, pelo Brasileirão.

Rogério Ceni conivda todos a irem ao Morumbi hoje (assistam abaixo). Como não estou na capital não poderei ir, Mito! Uma pena…

Aposto em uma vitória tricolor para sair da crise. Um 2 a 1, chorado com gols de Jadson e Rogério Ceni de pênalti para calar a boca de todos os que ainda duvidam do camisa 01 do Tricolô! Apostem também no ApostasOnline.com.

REFORÇO NA ZAGA!

fonte foto: br.esporteinterativo.yahoo.com

fonte foto: br.esporteinterativo.yahoo.com

O zagueiro Antônio Carlos irá assinar com o São Paulo nos próximos dias, com a possibilidade inclusive de o clube anunciá-lo até amanhã. Na manhã desta quinta, o jogador viajou à capital paulista, fez exames médicos e foi aprovado. No São Paulo, o jogador é visto como boa opção para suprir uma carência na posição. O time conta no momento com Rafael Tolói, Edson Silva e Paulo Miranda, os dois últimos estão lesionados, além de revelações do clube. Rhodolfo foi emprestado para o Grêmio, e Lúcio está afastado e será negociado.

Uma dúvida: ele está meio fora de forma nesta foto ou é impressão minha? Espero que seja um “grande” impressão!

O São Paulo também fez contatos por Roger Carvalho, que também trabalha com o empresário Eduardo Uram. Mas, por enquanto, a negociação está em um ritmo muito mais lento.

Deixe seus comentários que responderemos em breve.

por: Guilherme Fenelon

E o São Paulo insiste em errar!

fonte foto: veja.abril.com.br

fonte foto: veja.abril.com.br

No jogo de quarta-feira pela Libertadores, o São Paulo não jogou bola em Minas. Não desmerecendo o Atlético-MG, pois marcaram muito bem os dois meias do Tricolor, Jadson e Ganso sem deixar a bola chegar para Luis Fabiano.

O Tricolor não demonstrou, sequer, aquela raça do último jogo da fase classificatória  contra o mesmo adversário. O time foi completamente inerte nos dois jogos das oitavas. Simplesmente levou 4 gols, três somente do atacante Jô, que jogou muita bola!

Uma coisa que achei ridícula no jogo foi o Sr. Juvenal Juvêncio. O presidente do clube, depois do quarto gol, se não me engano, levantou de sua cadeira e, simplesmente, foi embora do estádio Independência. Agora, um presidente deste merece o seu respeito caro torcedor? Não, não merece! Não digo como torcedor, digo como profissional. Pois acho que todo profissional deveria ter pelo menos a ética de falar após este medonho jogo que o time paulista fez.

Rogério Ceni e Luis Fabiano também não quiseram falar com a imprensa, talvez por causa da cabeça quente, mas deveriam ter falado na saída para o ônibus, depois de esfriarem a cabeça no chuveiro. Rogério não foi o culpado no jogo mas, somente jogou bem, sem os seus milagres que o torcedor são-paulino se acostumou. Afinal de contas, nunca menosprezando sua história como jogador, ele deveria sim aposentar e bem antes do final do ano.

Já, Luis Fabiano, que eu sou “fã de carteirinha”, acho um craque e com um grande faro de gols, não jogou absolutamente nada no jogo que ele deveria demostrar absolutamente TUDO que sabemos que ele tem. Nunca vi ele partir para cima dos zagueiros e se jogar como fez neste jogo, tentando cravar faltas e mais faltas. Acho que ele está bastante acomodado, como todo o time do São Paulo.

Até mesmo o volante Wellignton, que quando voltou no ano passado, jogou demais e fez o time ser campeão da Copa Sul-Americana, não jogou absolutamente nada. Ele estava mais preocupado em fazer o Ronaldinho Gaúcho ser expulso do que jogar o que ele sabe jogar. Isso, para mim, é um absurdo.

O jogo, em si, foi horrível para o time paulista, o Galo foi superior demais. E digo mais, se o Palmeiras passar do Tijuana (acho que passa, caso não tome um gol) nunca tomará quatro gols do Atlético-MG. Por que? Porque o Verdão tem uma coisa que falta e muito no Tricolor Paulista: GUARRA, RAÇA E COMPROMETIMENTO.

Falando sobre as dispensas do tricolor de hoje, que são: João Filipe (zagueiro), Cañete (meia), Wallyson (atacante), Fabrício (volante), Cortez (lateral-esquerdo), Luiz Eduardo (zagueiro) e Henrique Miranda (lateral-esquerdo), falarei sobre cada um em particular.

João Filipe: demorou para o São Paulo dispensá-lo. Foi tarde!

Marcele Cañete: bom jogador, mas não tinha comprometimento com o clube, portanto merecidamente dispensado.

Wallyson: não sei porque foi dispensado, mas também não sei porque foi contratado também, então fica assim.

Fabrício: um absurdo dispensar esse jogador. Ele tem tudo o que falta para o time inteiro do Morumbi. E com a saída de Denilson em junho quem ficará jogando com o Wellington? Essa dispensa eu nunca concordarei!

Cortez: também achei uma pena ser dispensado. Mas como vimos ele foi até mesmo esquecido em Minas Gerais pelo ônibus. Então, não ficará e aposto que voltará para Minas, pois o Cruzeiro já tinha mostrado interesse no jogador. Vamos aguardar!

Luiz Eduardo: começou na base do Tricolor e não demostrou a garrad e um zagueiro, pelo menos na minha visão.

Henrique Miranda: outro que não sei o motivo da dispensa. Falta somente o crescimento e colocar ele em jogos que não valem tanta coisa. Mas, não sou eu quem decido.

“A partir de segunda-feira, o elenco vai para Cotia e lá ficará até o início do campeonato nacional. Os atletas João Filipe, Cañete, Wallyson, Fabrício, Cortez, Luiz Eduardo, Henrique Miranda não irão. Ficarão na Barra Funda treinando com outro preparador ou treinador que o técnico vai designar. São jogadores que serão emprestados, sobretudo os garotos. Já há interessados. Precisamos de uma certa reciclagem”, disse o presidente.

Outro que poderá ser dispensado no meio do ano, é o atacante Luis Fabiano, pelas palavras do Sr. Juvenal Juvêncio que, convenhamos, deveria pedir as contas juntamente com Adalberto Batista. Na visão da diretoria, o atacante está desmotivado desde que o clube recusou uma oferta do Qatar, no ano passado. Ele queria sair, pois a proposta salarial era muito boa.

“Confiança nós temos nele. Ou então, estaria nessa lista (de sete afastados). Mas, se tivermos alguma proposta no meio do ano, ele pode ser transferido”, disse Juvenal.

“O São Paulo foi muito assediado no ano passado. Recebemos propostas importantes por Luis Fabiano, Rhodolfo e Cortez, mas não quisemos vende-los, por mais que eles tenham pedido. Recusar propostas abala o rendimento dentro de campo. Se chegarem propostas, vamos avaliar a cabeça do jogador e se está querendo sair. Estou dando uma opinião, e não estou falando só sobre o Luis”, ressaltou o diretor de futebol Adalberto Bapista.

Quem foi reintegrado ao grupo nesta sexta, foi o lateral-esquerdo Juan. Depois de 4 meses, ele retorna para o elenco principal e já com grandes chances de ser titular logo na estreia do Campeonato Brasileiro, dia 26, contra a Ponte Preta, em Campinas.

Mais além dessas dispensas, o São Paulo anunciou duas contratações: o lateral-direito Mateus Caramelo e o meia-atacante Roni, destaques do Mogi Mirim, clube eliminado pelo Santos na semifinal do Paulistão.

Caramelo, de 18 anos, chega para tentar acabar com a carência do setor. O técnico Ney Franco vem utilizando o zagueiro Paulo Miranda na posição. Douglas não conseguiu se firmar até agora, enquanto o garoto Lucas Farias é considerado inexperiente para assumir a posição.

Já Roni, de 22, ficará com a vaga de Cañete. O argentino foi liberado pela diretoria para procurar outro clube e não será utilizado no segundo semestre. Roni marcou nove gols no Paulistão e chegou a estar na mira de Flamengo e Palmeiras.

fonte foto: lancenet.com.br

fonte foto: lancenet.com.br

Deixe seu comentário que responderemos em breve.

por: Guilherme Dorini

Libertadores: Missão Impossível

fonte foto: globoesporte.com

fonte foto: globoesporte.com

Uma derrota que deixou o Tricolor Paulista com 99% de chances de cair já na primeira fase da Libertadores.E uma derrota que rendeu críticas ao goleiro, capitão e mito, Rogério Ceni. O goleiro do São Paulo fez o único gol do São Paulo na partida disputada em La Paz para empatar o jogo no primeiro tempo.

No segundo tempo, Rogério deu uma falha enorme e simplesmente deixou a bola passar, mas antes tocou nela, e disse: “Não, a altitude não me traiu. A bola foi batida, balançou bastante, claro que ganhou mais velocidade, mas não me traiu. Foi coisa do jogo. Eu fui para esquerda e quando fui voltar para a direita não tive força na mão”.

fonte foto: saopaulofc.net

fonte foto: saopaulofc.net

Na saída do estádio Hernando Siles, em La Paz, após a derrota por 2×1 para o Strongest, o jogador reconheceu que dificilmente estará em campo na temporada 2014.

Será difícil, muito difícil para o São Paulo se classificar para a segunda fase da Libertadores este ano. Pois, além do Tricolor ter que ganhar do Atlético-MG no Morumbi a semana que vem, tem que torcer para uma derrota ou um empate do Strongest com o Arsenal de Sarandí.

Caso ocorra um empate de 0x0 no jogo da Argentina e o tricolor vencer por 1×0, entra o o time brasieliro pelo terceiro critério, o de desempate, ou seja, gols fora de casa. Se houver empate em 1 a 1 na Argentian e o São Paulo ganhar por 2 x1 do Galo, a vaga será decidida por sorteio. Mas, até mesmo o técnico Cuca, do  Atlético-MG, já disse: “Se tivermos a chance de desclassificar o São Paulo, iremos fazer. Pois é o típico time que se escapar da desclassificação ele volta pra ser campeão”.

Muito complicado para um time que em cinco partidas só venceu uma, realizando uma de suas piores campanhas na história do torneio.

Mas, como torcedor, espero que a última parte da frase de Cuca seja a mais correta. Pois, ver o maior ídolo que vi no São Paulo aposentar no final do ano com mais um título da Libertadores seria uma grande e inesperada realização.

Independente de eu achar que ele deve aposentar no final do ano, ele não tira o seu crédito de ser um grande campeão deste Clube da Fé.

A derrota foi dura para nós, mas caso classifique, será a melhor classificação da história do tricolor, a mais sofrida e a mais comemorada. Tomara que dê para eu estar no Morumbi para presenciar tal feito.

Deixe seu comentário que responderei no maior prazer.

por: Guilherme Fenelon

Última chance tricolor na Libertadores!

fonte foto: saopaulofc.com.br

fonte foto: saopaulofc.com.br

Acho que muitos, como eu não irão concordar com o técnico Ney Franco quando ele diz que este jogo é apenas mais um jogo na Bolívia.

“Já passamos por alguns jogos importantes na era Ney Franco. Final de Sul-Americana, jogos que definiam a classificação no Brasileiro, o próprio confronto com o Bolívar (pela primeira fase da Libertadores). Esse é mais um jogo que qualquer treinador vai passar em algum momento. A equipe sempre participa de competições e atravessa fases decisivas”, disse o técnico.

Apesar da aparente tranquilidade, Ney Franco admitiu que a partida será decisiva para o destino do São Paulo no torneio. Segundo colocado do Grupo 3, com quatro pontos, o Tricolor sairia da zona de classificação em caso de derrota na Bolívia – preço que a equipe tem de pagar após os tropeços contra o Arsenal de Sarandí: empate em casa e derrota fora.

Com o novo esquema no 4-4-2, com Ganso e Jasdon no meio-de-campo, o São Paulo vem em uma nova fase, este novo esquema com Ganso em campo, melhorou bastante a qualidade do passe, mas piorou na raça e teve leve queda nas finalizações.

fonte foto: uol.com.br

fonte foto: uol.com.br

No 4-4-2, o São Paulo trocou 332 passes na média, sendo 140 deles no campo defensivo e 192 do lado ofensivo. Enquanto isso, a média dos outros jogos é de 286, sendo 122 na defesa e 164 na parte da frente. O erro de passe permanece quase que inalterado, com a média de 52 com Ganso em campo e 53 sem ele.

São 68 roubadas de bolas certas, com o ladrão saindo jogando, e 28 com bolas que são tiradas dos adversários, mas não seguem no domínio são-paulino. No sistema sem Ganso, o número sobe para 75 desarmes certos e 42 incompletos.

Na hora de finalizar, o São Paulo de Ganso apresenta uma leve queda, com 13 tentativas de furar a meta adversária contra 14 do time que tinha três atacantes. Outros dois fundamentos que não apresentam grandes mudanças são dribles e lançamentos.

Durante a semana, Ganso disse que se sente em constante evolução no São Paulo após ter achado o melhor jeito de jogar. Ele também admitiu que precisa pegar mais gosto pela finalização do que tem atualmente.

O São Paulo tem dois desfalques e uma boa notícia. A boa é que Rogério Ceni treinou normalmente nos últimos dias e viaja com a delegação mas, por precaução, Ney Franco relacionou também o terceiro goleiro, Léo. Por outro lado, Lúcio sentiu uma lesão e fica no Brasil. Assim como Luis Fabiano, suspenso para as três partidas seguidas na Libertadores por reclamação. Aloísio deve entrar em seu lugar.

O jogo contra o Strongest será em La Paz, a partir das 21h30, no estádio Hernando Siles.

A possível escalação do Tricolor será: Rogério Ceni, Paulo Miranda, Rafael Tolói, Edson Silva (Rhodolfo) e Carleto (Cortez); Denílson (Maicon), Wellington, Ganso, Jadson, Osvaldo e Aloísio.

fonte foto: placar.abril.com.br

fonte foto: placar.abril.com.br

E aí quem ainda aposta em uma vitõria do tricolor paulista?? Bom, eu aposto e muito… e acho q o São Paulo ainda darã trabalho se for para as oitavas de final nesta Libertadores. Com Ganso se entrosando com Jadson e o ataque da equipe, o Ney terá um timaço em suas mãos, além de achar ele um grande técnico. Vai com tudo TRICOLOR! 2×0 pro time brasileiro, gols de Ganso e Carleto. Duvidam? Então façam suas apostas no ApostasOnline.com.

Deixe seu comentário e seu palpite para este jogão de hoje. Teremos o maior prezaer em respondê-lo.

por: Guilherme Fenelon

Victor Váldes no São Paulo?

fonte foto: uol.com.br

fonte foto: uol.com.br

De acordo com uma repostagem da R7 – Esportes, o São Paulo, por meio da Penalty, poderá se acertar com o atual goleiro do Barcelona, Victor Valdés. Ele, até mesmo, já antecipou que não renovará com o Barcelona, clube que o revelou.

A Penalty quer ver a todo custo, Valdés defendendo o São Paulo, já que, para a trsitesa de todos os torcedores são-paulinos, Rogério Ceni tem sua aposentadoria cada vez mais perto. Com 40 anos de idade, é possível que se aposente já no final deste ano e, mesmo com Denis na reserva, o ideal, contratar um goleiro que já conquistou o mundo.

A própria Penalty foi quem viabilizou a vinda do goleiro do Barça ao Brasil, em julho do ano passado. Na ocasião, Valdés declarou que “não descartaria jogar aqui no futuro”, mas que tinha que “falar sobre isso com a esposa”. Ele foi além: “como eu tenho um patrocinador brasileiro, quem sabe seria mais fácil? Vai ser muito especial”, concluiu. O “namoro” começou aí. O acerto a seguir da empresa com o São Paulo e a provável aposentadoria de Ceni em 2014 montaram o cenário ideal.

O Tricolor não deve se pronunciar oficialmente sobre o assunto, até mesmo para não desviar as atenções dos desafios dentro de campo nesta temporada. Mas, o clube aguarda um posicionamento da fornecedora para então se envolver mais ativamente na possível contratação.

Convenhamos, seria muito bom para o São Paulo, depois da aposentadoria do capitão Rogério Ceni, um goleiro desse nível de seleção e campeão. Vamos ver se a informação codiz com a realidade. Por enquanto ainda está muito fria, mas tem grandes chances sim de se concretizar.

O que acham, caros torcedores? Seria uma boa contratação ou Denis aguentaria a barra no Tricolor?

Deixe o seu comentário que teremos o maior prazer em respondê-lo.

por: Guilherme Fenelon