Grêmio vence o Paraná nos pênaltis e avança na Copinha

Foto: Marcos Lavezo / globoesporte.com

Foto: Marcos Lavezo / globoesporte.com

O duelo entra Grêmio e Paraná prometia agitar o primeiro dia da segunda fase da Copinha e foi o que aconteceu.

A partida começou com o Grêmio muito agressivo, procurando sempre o ataque. Depois de desperdiçar algumas oportunidades, o time gaúcho conseguiu abrir o placar aos 34 minutos do primeiro tempo com o atacante Luís Felippe, que recebeu um belo cruzamento de Tontini.

Já na segunda etapa, só deu Paraná. A equipe voltou determinada a conseguir o empate e chegou ao feito aos 11 minutos com Alex Brilhante, que aproveitou o cruzamento de Gasperin, e bateu forte, para o fundo das redes. Os paranaenses só não conseguiram a virada por conta do goleiro gremista Gritti, que fez pelo menos duas grandes defesas no duelo.

Com o placar de 1 x 1, a partida foi para os pênaltis e o equilíbrio continuou. Depois de 18 cobranças perfeitas, os goleiros tiveram de participar nos chutes. Lucão, do Paraná, parou na defesa de Gritti e o goleiro do Grêmio converteu seu pênalti, confirmando a vaga do time do Rio Grande do Sul nas oitavas de final.

Na próxima fase os gaúchos enfrentarão uma das surpresas da competição, o Goiânia, que passou pelo Linense por 3 x 2. Vale lembrar que a equipe de Lins eliminou o bicampeão Santos da disputa.

Jogos da segunda fase da Copinha:

Terça-feira (13/01)
Goiânia 3 x 2 Linense
Paraná 1 (9) x (10) 1 Grêmio

Quarta-feira (14/01)
Botafogo-RJ x Botafogo-SP – 16h – Leme
Coritiba x Vitória – 16h – Paulínia
Cruzeiro x Vasco – 16h – Taubaté
Ceará x Palmeiras – 19h – Limeira
Sport x Ituano – 19h – Itu
Bahia x Fluminense – 19h – Bauru
Flamengo x Taboão da Serra – 21h – Osasco
Avaí x Atlético-MG – 21h – São Bernardo do Campo

Quinta-feira (15/01)
Goiás x Guarani – 16h – Comendador Souza
São Caetano x Inter de Limeira – 16h – Guarulhos
Figueirense x Mirassol – 16h – Rua Javari
Criciúma x Lemense – 17h30 – Ilhabela
Corinthians x Grêmio Prudente – 17h30 – Barueri
São Paulo x Atlético-PR – 21h – São José dos Campos

A quarta-feira será muito agitada na Copinha, com direito a oito confrontos e destaque para Cruzeiro x Vasco, duas equipes fortes que ainda não levaram gols na disputa.

por: Rodrigo Bitar

adaptação: Matheus Furlan

Anúncios

Portuguesa é derrotada pelo Paraná na Série B

O calvário da Portuguesa só aumenta na Série B. Na estréia do técnico José Augusto no comando da equipe, a equipe paulista acabou derrotada pelo Paraná Clube por 1 x 0 no estádio Durival Britto.

A partida começou com uma Lusa ofensiva e marcando a equipe da casa em seu campo, trocando passes e acima de tudo com uma grande vontade em campo, a equipe chegou a criar boas oportunidades com Gabriel Xavier e Léo Costa enquanto o Paraná tentava nos chutes de onga distância. O jogo seguiu essa tônica por todo o primeiro tempo e na segunda etapa não foi diferente.

 

A Lusa começou o segundo tempo da mesma forma, marcando em cima, não dando espaços, e acertou a trave do goleiro Murilo do Paraná após jogada de Gabriel Xavier, mas na jogada seguinte o Paraná foi mais efetivo e após cruzamento de Thiaguinho da esquerda, Adailton que havia entrado na partida a pouco tempo subiu mais que a defesa e marcou Paraná 1 x 0. Depois do gol paranaense a Portuguesa desanimou e não se achou mais em campo.

Esta foi a 16° derrota em 31 jogos do clube paulista na Série B que ainda conta com 12 empates e apenas três vitórias, soma apenas 21 pontos, e segue a 15 pontos do 16° colocado do Oeste, primeiro time fora da zona de rebaixamento para a Série C. O Paraná ocupa a 13° colocação com 10 pontos conquistados.

Confira os resultados da 31° rodada da Série B:

Paraná 1 x o Portuguesa

Icasa 2 x 1 Ceará

Ponte Preta 3 x 1 Avaí

América-RN 2 x 0 Vasco da Gama

Sampaio Correâ 3 x 0 Bragantino

Oeste 1 x 3 América-MG

 Atlético-G 3 x 0 Luverdense

Boa Esporte 1 x o Náutico

Joinville 3 x 0 ABC-RN

A partida entre Santa Cruz x Vila Nova foi adiada para o dia 28 de outubro, isso porque de acordo com a CBF nenhuma equipe pode exceder a quantidade de mandos de campo seguido, fato que aconteceria com o Santa Cruz, mas fica aqui a pergunta. Como quem monta as tabelas nos nacionais não observam detalhes como mandos de campos e horários das partidas no horário de verão? Amadorismo puro dos organizadores da competição.

Classificação

P J V E D GP GC SG %
1 Ponte Preta 60 31 17 9 5 53 30 23 64
2 Joinville 57 31 17 6 8 44 28 16 61
3 Vasco 54 31 14 12 5 43 29 14 58
4 Avaí 52 31 15 7 9 42 31 11 55
5 Ceará 50 31 14 8 9 53 45 8 53
6 Boa Esporte 47 31 14 5 12 39 36 3 50
7 Sampaio Corrêa-MA 47 31 11 14 6 46 33 13 50
8 Atlético-GO 46 31 13 7 11 44 41 3 49
9 América-MG 45 31 15 6 10 46 35 11 54
10 Náutico 45 31 13 6 12 36 38 -2 48
11 Santa Cruz-PE 45 30 11 12 7 40 29 11 50
12 Luverdense-MT 40 31 12 4 15 33 40 -7 43
13 Paraná 40 31 10 10 11 34 35 -1 43
14 Bragantino 36 31 10 6 15 36 47 -11 38
15 ABC-RN 35 31 10 5 16 25 33 -8 37
16 Oeste 35 31 8 11 12 32 46 -14 37
17 América-RN 33 31 9 6 16 35 42 -7 35
18 Icasa 32 31 8 8 15 23 33 -10 34
19 Vila Nova-GO 23 30 7 2 21 20 50 -30 25
20 Portuguesa 21 31 3 12 16 24 47 -23 22

 

A Série B já volta a campo na próxima sexta feira e sábado e se a Portuguesa seguir nesse passo, em mais duas ou três rodada pode estar matematicamente rebaixada para a Série C do Brasileirão.

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

por: Matheus Furlan

Petrobras de Marcas: Felipe Gama soberano no final de semana

Imagem: brasileirodemarcas.com.br

Imagem: brasileirodemarcas.com.br

No último final de semana foi disputada a sétima etapa da Copa Petrobrás de Marcas em cascavel no Paraná. Um final de semana que foi inesquecível para Felipe Gama e seu Honda Civic #77.

Foto: robertopcosta.blogspot.com

Foto: robertopcosta.blogspot.com

Gama marcou a pole no sábado e não teve nenhuma dificuldade de conquistar a vitória na primeira bateria do final de semana. “Foi uma corrida não tão tensa. Tive que manter a cabeça no lugar durante as relargadas. Acho que ganhei a corrida nas primeira voltas. Sempre que relargava eu fazia uma volta boa e tinha um refresco, que me dava chance de trabalhar com calma. Para a segunda corrida vou vir muito para cima. Para mim é tudo ou nada” afirmou o piloto vencedor.

Alceu Feldmann terminou em segundo com Civic e Gustavo Martins de Lancer terminou em terceiro. Confira a classificação completa da primeira bateria:

1. Felipe Gama (Honda Civic) – 23 voltas em 31min54s137
2. Alceu Feldmann (Honda Civic) – a 0.791
3. Gustavo Martins (Mitsubishi Lancer GT) – a 1.227
4. Pedro Nunes (Toyota Corolla XRS) – a 2.311
5. Galid Osman (Toyota Corolla XRS) – a 6.420
6. Vitor Meira (Ford Focus) – a 8.981
7. Cesar Bonilha / Carlos SG Souza (Ford Focus) – a 9.292
8. Gabriel Casagrande (Chevrolet Cruze) – a 9.733
9. Thiago Marques (Chevrolet Cruze) – a 11.487
10. Tico Romanini (Ford Focus) – a 13.887
11. Jaidson Zini (Ford Focus) – a 14.277
12. Ricardo Zonta (Toyota Corolla XRS) – a 1 volta
13. Vicente Orige (Honda Civic) – a 11 voltas
14. Ricardo Mauricio (Honda Civic) – a 13 voltas
15. Daniel Kaefer (Chevrolet Cruze) – a 16 voltas
16. Eduardo Rocha (Mitsubishi Lancer GT) – a 18 voltas
17. Guilherme Sperafico (Chevrolet Cruze) – a 21 voltas
18. Denis Navarro (Toyota Corolla XRS) – a 22 voltas
19. Serafin Jr (Mitsubishi Lancer GT) – a 22 voltas

Segunda bateria!

Na segunda disputa Gabriel Casagrande largou na pole position, Felipe Gama partiu de oitavo e acabou caindo para 12° após uma manobra maldosa, mas com um carro equilibrado começou a fazer  belas manobras e a ultrapassar os adversários até que na última volta chegou em Casagrande de apenas 18 ano e seu Chevrolet Cruze.“Larguei de oitavo para quarto, fiz uma bela largada e já estava em terceiro, após ultrapassar um piloto. Ele não deixou, foi meio maldoso e resolveu me tirar da corrida. Cai para 12o. O Ricardinho (Maurício) me fechou por umas quatro ou cinco voltas e foi muito difícil passar ele. Fui acreditando a cada momento. Estava difícil, mas foi um momento de superação, de querer muito. O pessoal da equipe no rádio me falava ‘vai dar pódio’, mas eu não pensava no pódio. Só pensava em ganhar. E foi isso”

Foto: brasileirodemarcas.com.br

Foto: brasileirodemarcas.com.br

Uma batalha muito interessante e acima de tudo como Gama definiu, “leal” , “Tenho que agradecer ao Casagrande que foi muito leal e é um grande piloto, uma grande promessa. Repeti o feito do Zonta em São Paulo, quando ele ganhou as duas corridas. Foi um final de semana que começou complicado. Quebrei em duas corridas anteriores quando estava em segundo. Então, estaria muito bem no campeonato. Foi um sonho realizado hoje”. Disse o vencedor do final de semana.

Gama foi o primeiro, Casagrande (um futuro e grande promissor jovem piloto) em segundo e Ricardo Zonta em terceiro.

Confira a classificação final da segunda prova:

1. Felipe Gama (Honda Civic) – 27 voltas em 31min2s.895
2. G. Casagrande (Chevrolet Cruze) – a 0.915
3. Ricardo Zonta (Toyota Corolla XRS) – a 3.239
4. Vicente Orige (Honda Civic) – a 4.188
5. Vitor Meira (Ford Focus) – a 5.514
6. Galid Osman (Chevrolet Cruze) – a 7.254
7. Ricardo Mauricio (Honda Civic) – a 9.173
8. Denis Navarro (Chevrolet Cruze) – a 14.988
9. Daniel Kaefer (Chevrolet Cruze) – a 36.609
10. Tico Romanini (Ford Focus) – a 41.616
11. Eduardo Rocha (Mitsubishi Lancer GT) – a 42.579
12. Thiago Marques (Chevrolet Cruze) – a 6 voltas
13. Pedro Nunes (Chevrolet Cruze) – a 7 voltas
Não completaram 75% da prova:
14. Gustavo Martins (Mitsubishi Lancer GT) – a 12 voltas
15. Jaidson Zini (Ford Focus) – a 15 voltas
16. Alceu Feldmann (Honda Civic) – a 16 voltas
17. Guilherme Sperafico (Chevrolet Cruze) – a 25 voltas
19. Cesar Bonilha / Carlos SG Souza (Ford Focus) – Excluído por atitude anti desportiva

Campeonato!

A última etapa do campeonato acontece no dia 1° de dezembro em Curitiba no Paraná. Essa prova terá sua pontuação dobrada e no caso da vitória passará de 25 para 50 pontos por bateria, com isso sete pilotos estão na disputa do campeonato.

Ricardo Mauricio de Civic é o líder com 184 pontos, em 2° Ricardo Zonta soma 167 de Corolla, 3° Denis Navarro com 158 pontos de Corolla, 4° aparece Alceu Feldmann de Civic com 157 pontos, 5° Felipe Gama soma 155 pontos com Civic, 6° de Corolla aparece Galid Osman tem 151 pontos e em 7° Vitor Meira de Focus tem 146 pontos. Todos tem chance, e ai quem será o campeão?

Façam suas apostas na montadora favorita e no piloto, emoção até o último momento.

Curta nossa página no Facebook. http://www.facebook.com/templodosesportes

por: Matheus Furlan

Truck: Giaffone é pole no Paraná

imagem fonte: oficialbandrio.blogspot.com

imagem fonte: oficialbandrio.blogspot.com

Acontece neste final de semana a 9° etapa da Fórmula Truck, o GP de Curitiba no Paraná e teve Felipe Giaffone marcando a pole position com o tempo de 1m39s922. Esta é a segunda pole de um caminhão MAN na categoria, a primeira também foi conquistada por ele e também foi no Paraná, mas em Cascavel.

Foto: blogs.odiario.com

Foto: blogs.odiario.com

 O piloto comentou o fato,  “Essa é a segunda pole do caminhão MAN na Fórmula Truck e, mais que pela minha pole, estou feliz pela dobradinha da equipe”, Leandro Totti, de Volkswagen anotou 1m.40s108 e esta na primeira fila.

A galera que disputa o título não esta longe não, Regis Boessio é o terceiro de Mercedes, Salustiano que figura na parte de cima da tabela desde o inicio da temporada é o quarto e o líder da temporada com 126 pontos, Beto Monteiro largará da quinta posição com seu Iveco.

Confira o grid de largada para o GP de Curitiba:

1 Felipe GIAFFONE SP RM 1:39.922  
MAN
2 Leandro TOTTI PR RM 1:40.108 +0.186
Volkswagen
3 Régis BOESSIO RS ABF 1:40.174 +0.252
Mercedes Benz
4 Paulo SALUSTIANO SP ABF 1:40.276 +0.354
Mercedes Benz
5 Beto MONTEIRO PE Scuderia Iveco 1:40.395 +0.473
Iveco
6 Diogo PACHENKI PR ABF 1:41.257 +1.335
Mercedes Benz
7 Wellington CIRINO PR ABF 1:41.301 +1.379
Mercedes Benz
8 Roberval ANDRADE SP Ticket Car Corinthians    
Scania
9 Alberto CATTUCCI SP ABF 1:41.945 +2.023
Volvo
10 André MARQUES SP RM 1:41.983 +2.061
Volkswagen
11 Adalberto JARDIM SP RM 1:42.227 +2.305
Volkswagen
12 João Marcos MAISTRO PR Clay Truck 1:42.260 +2.338
Volvo
13 Valmir BENAVIDES SP Scuderia Iveco 1:42.263 +2.341
Iveco
14 Raijan MASCARELLO MT 72 Sports 1:42.287 +2.365
Ford
15 Débora RODRIGUES SP RM 1:42.350 +2.428
Volkswagen
16 Geraldo PIQUET DF ABF 1:43.440 +3.518
Mercedes Benz
17 Jansen BUENO PR DB 1:42.780 +2.858
Volvo
18 Rogério CASTRO GO ABF 1:43.726 +3.804
Volvo
19 Pedro MUFFATO PR Muffatão 1:43.441 +3.519
Scania
20 Edu PIANO SP Território Motorsport 1:44.441 +4.519
Ford
21 Alex CAFFI ITA Dakarmotors 1:47.832 +7.910
Iveco
22 Djalma FOGAÇA SP 72 Sports 28:19.316 +39.394
Ford
23 Luiz LOPES SP Lucar    
Iveco
24 Ronaldo KASTROPIL SP Ticket Car Corinthians    
Scania
25 Leandro REIS GO Original Reis    
Scania
26 José Maria REIS GO Original Reis    
Scania

 

Promessa de muita velocidade e esperamos que com poucas quebras  nos caminhões mais rápidos do mundo neste final de semana. 

A largada esta prevista para às 13 horas, horário de Brasília.

Curta nossa página no Facebook. http://www.facebook.com/templodosesportes

por: Matheus Furlan

Empate indigesto

foto fonte: dicasgratisnanet.blogspot.com

foto fonte: dicasgratisnanet.blogspot.com

O primeiro jogo do Palmeiras após o acesso não foi como o esperado.

O Verdão foi ao estádio Durival Britto enfrentar a equipe do Paraná, que briga para subir à elite do campeonato brasileiro, e exatamente por isso se demonstrou afobada para marcar, mesmo motivo que prejudicou o Palmeiras contra o São Caetano no final de semana passado. A vontade de fazer gol era tanta, que o time criava, mas não finalizava.

 

A primeira etapa foi bem fria e o segundo tempo se encaminhava para algo parecido, quando Edson Sitta acertou um belíssimo chute de fora da área e abriu o placar, aos 37.

Logo após o gol do Paraná, o Verdão acordou e foi para cima. Aos 42, Leandro saiu na cara do gol e não desperdiçou, 1 x 1. O atacante perdeu o cabelo, mas não o faro do gol.

O resultado poderia ser pior para o Palmeiras se o Chapecoense vencesse, mas o jogo contra o Guaratinguetá acabou com o placar de 0 x 0. Com isso, a diferença para os catarinenses continua nove pontos, o que ajuda a equipe paulista na briga pelo título do torneio.

Resultados da 33° rodada:

(6º) Joinville 4 x 2 Paysandu (18º)

(8º) América-MG 1 x 0 ASA (20º)

(4º) Icasa 1 x 0 Boa Esporte (11º)

(17º) Atlético-GO 1 x 3 Ceará (9º)

(7º) Paraná 1 x 1 Palmeiras (1º)

(13º) Guaratinguetá 0 x 0 Chapecoense (2º)

(16º) ABC 3 x 3 América-RN (14º)

(3º) Sport 3 x 0 São Caetano (19º)

(12º) Oeste 2 x 0 Bragantino (15º)

(5º) Avaí x Figueirense (10º) – acontece hoje (03/11), às 17h

A próxima rodada começa na terça-feira e termina no sábado, dia em que o Palmeiras recebe o Joinville no Pacaembu.

por: Rodrigo Bitar

adaptação: Matheus Furlan

Brasil é campeão do Grand Prix de Futsal

Na manhã de domingo a seleção brasileira de futsal conquistou o título do Grand Prix de Futsal, disputado em Maringá no Paraná.

Foto: Flavio Moraes/Divulgação

Foto: Flavio Moraes/Divulgação

O jogo final diante da Rússia não foi nada fácil. A seleção nacional abriu o placar com menos de um minuto de jogo, Rodrigo marcou, mas os russos, que em sua maioria são brasileiros naturalizados viraram a partida ainda na primeira parte com Cirilo aos 8 minutos e Eder Lima virou aos 12 minutos da etapa inicial. 2 x 1 para os russos.

A partida foi para o segundo tempo e logo de cara o Brasil empatou com Fernandinho aos 16 segundos. A partida foi equilibrada indo para a prorrogação, ai apareceu ele, Falcão.

Na primeira etapa da fase decisiva o camisa 12 recebeu próximo da meta, e fuzilou, 3 x 2 Brasil, tudo caminha para que esse fosse o fim, mas na fase final da segunda etapa da prorrogação, novamente Eder Lima em um chute cruzado que passou por baixo das pernas do goleiro brasileiro empatou, 3 x 3 e decisão nos pênaltis.

Nos penais os brasileiros forma mais eficientes que os russos marcaram quatro, enquanto os adversário apenas dois, Eder Lima e Fakhrutdinov perderam suas cobranças.

É o primeiro título brasileiro após a conquista do Mundial na Tailândia.

Parabéns rapaziada!!!

Curta nossa página no Facebook. http://www.facebook.com/templodosesportes

por: Matheus Furlan

Stock Car: Barrichello erra e Marcos Gomes vence a segunda no Paraná

imagem fonte: news.photoe.com.br

imagem fonte: news.photoe.com.br

A segunda prova no Paraná da Stock Car teve Rubens Barrichello (foto), estreando na pole position, mas a estratégia da equipe completamente errada fez com que ele ficasse na pista e não trocasse os pneus na hora certa, junco com os demais pilotos  e começou a perder o rendimento.

foto fonte: tazio.uol.com.br

foto fonte: tazio.uol.com.br

 

Na hora que foi aos boxes foi ultrapassados por um batalhão de carros e acabou a prova na 26° posição de 34 carros que foram para a pista. Um lição para se aprender, carros de turismo como os da Stock Car  perdem muita aderência e com ele o rendimento. Ele pecou com a inexperiência na categoria.

foto fonte: Fernanda Freixosa / Vicar/stockcar.globo.com

foto fonte: Fernanda Freixosa / Vicar/stockcar.globo.com

 

A vitória ficou com Marcos Gomes(foto), que venceu a primeira prova que foi disputada em junho no Paraná. Ele que largou na metade de grid teve bons momentos e com a  experiencia que já adquiriu na última prova ele soube equilibrar o carro e fazer as ultrapassagens no momento certo e conquistou os pontos da prova deste final de semana. Daniel Serra voltou a conquistar um pódio e voltou com força para a disputa do título da temporada, e Max Wilson terminou em terceiro.

Cacá Bueno foi penalizado e largou em último, mas ele tem o melhor carro da categoria e fez uma bela corrida de recuperação e terminou na oitava colocação marcando pontos importantes para a disputa do título 2013.

Confira os 10 primeira, 8° etapa, Cascavel, Paraná:

1° Marcos Gomes

2° Daniel Serra

3° Max Wilson

Sérgio Jimenez

Allan Khodair

Thiago Camilo

Luciano Burti

Cacá Bueno

Rafael Matos

10° Nonô Figueredo

No campeonato a disputa continua acirrada, Cacá Bueno é o líder com 137 pontos, Daniel Serra é o segundo com 130, Thiago Camilo soma 123 na terceira posição, em quarto aparece Ricardo Mauricio com 120 pontos e na quinta posição Max Wilson com 102 pontos conquistados.

A próxima etapa acontece no dia 15 de setembro no Autódromo do Velopark no Rio Grande do Sul.

Deixe a sua opinião, teremos o maior prazer em responde-lo.

por: Matheus Furlan