Zanetti é ouro no Catar

Foto: Facebook / ahebrasil.com.br

Foto: Facebook / ahebrasil.com.br

A fase de Arthur Zanetti é espetacular. O ginasta brasileiro vem conquistando medalha atrás de medalha, depois de levar a medalha de ouro na Alemanha, foi a vez de Zanetti vencer a competição nas argolas na cidade de Doha no Catar.

Nesta quinta feira, o brasileiro atingiu a marca de 15.725 pontos e ficou com o primeiro lugar na Copa do Mundo de Ginástica Artística, em segundo lugar ficou Artur Tovmasyan da Armênia com a note de 15.625 e na terceira posição Andrei Muntean da Romênia com a nota de 15.325 completou o pódio.

Zanetti agora se prepara para a disputa da próxima etapa da Copa do Mundo que acontece no Brasil entre os dias 1 e 3 de maio em São Paulo e para os Jogos Pan-americanos que serão realizados em Toronto no Canadá.

Mas não foi apenas Zanetti que subiu no pódio. Depois de disputar a final do solo na Alemanha e terminar em oitavo lugar devido a uma lesão no tornozelo, Diego Hypolito ficou com a prata na disputa em Doha ao anotar 15.425, a medalha de ouro ficou com Jacob Dalton dos Estados Unidos com a nota de 15.475 e o bronze com Shotaro Shirai do Japão com a nota de 15.025.

Os brasileiros seguem fazendo bonito na ginastica mundial.

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

por: Matheus Furlan

Anúncios

Brasil conquista quatro medalhas na Copa do Mundo de Ginástica Artística

O esporte brasileiro segue fazendo campeões pelo mundo. No último final de semana foi disputada em Medellín na Colômbia, mais uma etapa da Copa do Mundo de Ginástica Artística e os meninos brasileiro foram muito bem, conquistando quatro medalhas sendo três de  ouro e uma de bronze.

Foto: Divulgação / ahebrasil.combr

Foto: Divulgação / ahebrasil.combr

No sábado, 8, as duas primeiras medalhas. A primeira veio com Diego Hipólito no solo. O brasileiro atingiu a nota de  15.867 superando o japonês Toshiya Ikejiri que marcou 15.233  que ficou com a prata e o esloveno Ziga Silc com a nota de 15.000 que levou o bronze. Essa medalha confirma a grande fase do ginasta brasileiro. Logo após Hipólito foi a vez de Henrique Medina subir no ponto mais alto do pódio na disputa das argolas. Medina marcou a nota de 15.700 e teve ao seu lado  Regulo Carmona da Venezuela e Federico Molinari da Argentina, ambos com a nota de 15.167.

Já no domingo, 9, mais duas medalhas foram conquistadas, ambas na disputa do salto (foto). O ouro ficou mais uma vez com Diego Hipólito que marcou a nota de 14.884 conquistou o ouro,  em segundo lugar  Audrys Nin da República Dominicana  com a nota de 14.817 levou a prata e no terceiro lugar o brasileiro Hudson Miguel conquistou o bronze com a nota de 14.767.

Um grande desempenho e parabéns a todos os atletas brasileiros que disputaram e estiveram honrando as cores do nossa país.

Curta: http://www.facebook.com/templodosesportes

por: Matheus Furlan